Vivemos buscando


Disseram que eu esqueceria fácil. Disseram que eu sentiria saudade, mas que com o tempo, viria o esquecimento. Os mais experientes pediram para eu anotar que, um amor desses é pra vida toda!

Mas eles esqueceram dos detalhes, de falar sobre as voltas, sobre as visitas, sobre os encaixes do corpo e sobre os abraços de alma. Esqueceram ou não quiseram contar, sobre verdadeiro amor. Sobre o tempo que passa no calendário prolongando o reencontro e sobre a alma que atormenta o peito de tanto que quer estar, de tanto querer pertencer ao outro ser. Nos enganaram e nós nos enganamos acreditando que, um dia haveria a ausência da lembrança.


Pobre de nós, que esperamos na saudade o esquecimento e vivemos buscando esquecer o que lembramos.


Com Gratidão, 

Kau Bonnett. 

"Vá fundo dentro de si mesmo, pois há uma fonte de benevolência preparada para fluir se você continuar."

- Marco Aurélio