Olha no olho

Atualizado: Jul 8


Você ainda não cansou de olhar apenas para baixo? Não te dói as costas ou a cabeça?

Encaixar seu maxilar no horizonte não vai te fazer menos seu, pelo contrário, se pertencerá ainda mais.

Seu olhar chegará ao outro, penetrará e então, você perceberá os degraus que acabou de subir.

Ah, mas talvez você não queira subir, né? Talvez o olhar do outro te afete, te intimide ou mais perigoso ainda... talvez te ganhe. E eu sei, o teu medo é se perder e por isso, olha apenas para baixo, apenas para os seus próprios pés.

Já não consegue ver a bala que fere o inocente, a morte próxima, o planeta engolindo plásticos e mais plásticos (agora até em covas).

Não te dói a cabeça olhar para baixo? Como ainda dorme em paz?

Não consigo compreender como dentro de você não há empatia, eu não consigo entender.

Mas enfim, se algum dia chegar a encaixar o teu olhar no horizonte, se conseguir sentir palpitar a tua pupila ao olhar para o próximo sem julgamento, nesse dia aproveita e olha para o céu.

Ao olhar para cima verá o todo, perceberá a consciência e também a natureza. Assim aprenderá que ela é o teu guia e é você quem deve servi-la, não o contrário.

Quando olhar para cima e voltar o olhar para o teu próximo, terá encontrado o verdadeiro amor.


Com gratidão,

Kau Bonnett.


"Vá fundo dentro de si mesmo, pois há uma fonte de benevolência preparada para fluir se você continuar."

- Marco Aurélio