• Kau Bonnett

Apenas você pode fazer


A gente nunca esquece o que foi e o que teve vontade de ser, mas a gente sempre esquece quem a gente é. 

Ficamos nos encaixando nessas caixas de arquétipos prontos e pensando que eles serão os modelos certos que nos levarão até os nossos desejos. Erramos. Pegamos o nosso erro e nos vitimamos. Empacamos. Paramos em um lugar de conforto, onde gostamos de ser vítimas porque as pessoas tem pena de nós. Gostamos desse conforto. Nesse conforto o sol se despede e diz bom dia, e enquanto reclamamos do calor, alguém curte o mar gelado do exterior. Nesse gelo que tomamos ao presenciar a cena, pensamos: “Ah, que sorte a dele!”, erramos. Depois do erro, repete tudo. Você assiste a vida passar enquanto reclama do mundo, sentado no seu sofá, em frente a TV, no twitter, no Instagram, em qualquer rede desconectável, mas que você não se desconecta para não matar o seu ego. E eu te entendo, o mundo tá osso, melhor reclamar do que fazer um pouco.


Apenas você pode fazer por você mesmo.


Com Gratidão,

Kau Bonnett.

"Vá fundo dentro de si mesmo, pois há uma fonte de benevolência preparada para fluir se você continuar."

- Marco Aurélio