Kau Bonnett,

Com Gratidão

e com a alma.

SER SIMPLES

  • julho 09, 2018
  • by


Eu tive que aceitar a minha companhia. Mais uma vez eu não tive escolha e mais uma vez eu me agarrei a mim. Liguei para uns amigos que eu não falava há anos. Sai de casa para observar a natureza e sentir a liberdade que eu sentia quando estava perto dela. Comecei imediatamente a correr, eu precisava respirar, e a corrida fez para mim o favor gigante de me devolver o agora. Eu voltei a usar a minha imaginação, graças aos novos livros que comecei a ler. Fazia um tempo que eu não ouvia algumas músicas que eu gostava quando adolescente... Ouvi-las novamente me fez perceber o quão elas ainda me fazem bem. E por fim, depois de tudo, eu compreendi que é bom estar sozinha ás vezes. A solitude  - se aproveitada positivamente - nos devolve a simplicidade da vida e consequentemente... O amor por nós mesmos. 

Ser leve e grato aos pequenos detalhes.

Com gratidão,
Kau Bonnett. 









Kauany Bonnett (1996). Nasceu em Santa Catarina e atualmente reside em São Paulo. Começou escrever com 14 anos de idade. É aficionada pelo comportamento humano e pelos ensinamentos da vida. Por isso, transforma os momentos vividos em palavras.

2 comentários:

  1. eu comentei num outro post seu e parece que você descreveu a minha vida nos momentos que eu estava e agora estou passando, cômico

    ResponderExcluir
  2. Eu não sei descrever bem ao certo a sensação, mas e aconchegante sentir tua "própria vida" sob perspectivas alheias. E como se fôssemos confidentes e tudo fosse de vc pra mim, e engraçado saber que a pessoa que mais me entende, nem ao menos me conhece.
    Parabéns!

    ResponderExcluir