Kau Bonnett,

Com Gratidão

e com a alma.

3 MANEIRAS DE FORÇAR-SE A SER MAIS GRATO

  • setembro 20, 2016
  • by


  A maioria de nós têm família, amigos e outras pessoas que nos amam de maneira única. Isso é um presente. A maioria de nós tem uma boa saúde, que é um outro presente. A maioria de nós têm os olhos para desfrutar dos dons incríveis, para desfrutar do sol, da natureza e beleza em torno de nós. A maioria de nós têm ouvidos, para desfrutar da música - um dos maiores dons.
Podemos não ter todas essas coisas, porque não se pode ter tudo, mas nós certamente temos muito para ser gratos, apesar de nos esquecermos disso. 

  Às vezes ficamos tão preso perseguindo uma coisa gigante que nos esquecemos de parar e apreciar as coisas que temos, as coisas que somos e as coisas que experimentamos. Não paramos para apreciar o aprendido e alcançado ao longo do caminho. Não percebemos que a nossa felicidade leva a um grande sucesso.

A Ciência da Gratidão e a Felicidade

Como seres humanos, quando não estamos gratos pelo que temos, não somos capazes de ser felizes.

Este não é apenas um clichê, tem sido cientificamente comprovado. Pesquisadores fizeram um estudo de psicologia positiva, dividiram os participantes do estudo em dois grupos. Um refletiria no final de cada dia, sobre as pequenas coisas que é grato. Enquanto o outro grupo apenas viveria sua rotina normal, seu dia. Então, depois de várias semanas, ambos os grupos foram entrevistados, e tornou-se claro que o primeiro grupo teve maior satisfação com a vida do que o outro grupo.

Por que isso acontece?

Forçando-nos a concentrar em pensamentos e ações relacionadas a gratidão, independentemente das circunstâncias, ajudamos o nosso cérebro a desenvolver emoções positivas. Quando nos forçamos a ser grato por nossas rotinas diárias, nós realmente nos sentimos muito mais felizes.

Como se forçar a ser mais Grato?

No final, o segredo para ser grato é nenhum segredo. Você escolhe ser grato. Em seguida, você se fará grato novamente e novamente. Se você esquecer, é só começar de novo.

Há, no entanto, três estratégias de gratidão específicas. 
Encorajo-vos a implementá-las, gradualmente, uma de cada vez, em sua vida. 

1. Pratique, um ritual particular de gratidão à noite.

Todas as noites antes de ir para a cama, anote três coisas que correram bem durante o dia e suas causas. Basta fornecer uma breve explicação para cada coisa boa.

Se você começar este ritual, esta noite, você olhará para o hoje daqui a alguns anos e lembrará dele como o dia em que toda a sua vida mudou.

2. Prática dando graças ao público.

Embora gratidão vem de dentro, a expressão pública de gratidão também é importante. Pegue por hábito a prática de expressar gratidão para seus amigos, familiares, colegas e outras pessoas de sua comunidade.

"Gratidão por fazer a minha vida um pouco mais brilhante".

3. Reflita sobre as pequenas coisas que você é grato.

É bastante fácil lembrar das coisas grandes e óbvias que acontecem - um nascimento, uma grande promoção no trabalho, um avanço significativo nos negócios, etc. Mas encontrar maneiras de dar graças pelas pequenas coisas, é MUITO mais significativo. 

Você está vivo.
Você não foi dormir com fome na noite passada.
Você pode escolher a roupa de amanhã.
Você não gastou um minuto, temendo por sua vida.
Você conhece alguém que você ama.
Você tem acesso a água potável.
Você tem acesso a cuidados médicos.
Tem acesso à Internet.
Você pode ler.

Seja honesto: quando foi a última vez que você estava grato por simplesmente estar vivo, ou ir dormir com a barriga cheia? Mais especificamente, pense em todas as pequenas coisas que você experimenta - o cheiro de uma refeição caseira, ouvir sua música favorita quando toca aleatoriamente no rádio, ver um pôr do sol maravilhoso, e por ai vai. Quando foi a última vez? 

Preste atenção, e seja grato.

Na verdade, o ser humano mais rico não é aquele que mais tem, mas o que menos necessita. A riqueza é um estado de espírito. Queira menos e aprecie mais o hoje. 


E muito mais feliz.



Com Gratidão,
Kau Bonnett.



Fonte: Marc&Angel
Adaptação: Kau Bonnett

Kauany Bonnett (1996). Nasceu em Santa Catarina e atualmente reside em São Paulo. Começou escrever com 14 anos de idade. É aficionada pelo comportamento humano e pelos ensinamentos da vida. Por isso, transforma os momentos vividos em palavras.

2 comentários:

  1. Sou grata pela sua gratidão!

    ResponderExcluir
  2. Gratidão por ter chegado a esse texto e gratidão por ter te econtrado! :)

    ResponderExcluir